04/12/2017

Preços do açúcar fecham a semana em queda no mercado externo

 

Os preços do açúcar fecharam em queda no mercado internacional na última sexta-feira (1º). O vencimento na tela março/18 da bolsa de Nova York fechou em 14.98 centavos de dólar por libra-peso, queda de 10 pontos. Na tela maio/18, a desvalorização foi de nove pontos, com negócios firmados em 14.94 centavos de dólar por libra-peso. Os demais contratos caíram entre oito e 10 pontos.

"Durante toda a última semana, inclusive na maior parte do pregão de sexta-feira, os preços do açúcar subiram refletindo a decisão da Opep de manter o ritmo de refino de petróleo, equilibrando a relação entre oferta e demanda", informou a análise do jornal Valor Econômico de hoje (4), que após o acordo ser firmado, não houve movimentos significativos de preço. A alta do petróleo faz o etanol do Brasil ganhar competitividade.

Em seu comentário semanal, o diretor da Archer Consulting, Arnaldo Luiz Côrrea avalia os preços. "Várias usinas refazem seus números de moagem de cana para o ano que vem. A maioria não apenas acredita que vamos ter um volume de moagem menor, mas também um rendimento menor em virtude de um canavial mais antigo", afirmou.

Em Londres, os preços também caíram em todos os vencimentos. No lote março/18, a commodity foi comercializada a US$ 388,90 a tonelada, queda de 1,50 dólar. Os contratos para maio/18 fecharam em US$ 391,10, baixa de 1,80 dólar. Os demais negócios caíram entre 1,60 e 1,80 dólar.


Mercado interno

Os preços do açúcar no mercado doméstico fecharam em alta na última sexta-feira (1º). A saca de 50 quilos do tipo cristal fechou negociada a R$ 69,34, valorização de 0,32%.

 

Fonte: Camila Lemos, Agência UDOP de Notícias

Compartilhe esta Notícia

Informativos Canaçúcar

Imprensa