12/07/2018

Preços do açúcar seguem em ritmo de queda nos mercados

 

Os contratos futuros do açúcar fecharam em baixa ontem (11), na bolsa de Nova York. Na tela outubro/18 os contratos foram firmados em 11.29 centavos de dólar por libra-peso, baixa de 12 pontos e os papéis para março/18 encerraram o dia a 12.03 cts/lb, baixa de 10 pontos. Os demais contratos futuros caíram de 10 a 12 pontos.

Em Londres, apenas os contratos com vencimento em agosto/18 valorizaram, fechando em US$ 340,20 a tonelada, alta de 50 cents de dólar. Os papéis para outubro/18 encerraram o pregão a US$ 331,30, queda de 80 cents de dólar. Os demais vencimentos desvalorizaram entre 20 cents e 1,10 dólar.

Ontem, a Unica - União da Indústria da Cana-de-açúcar informou que a produção de açúcar pelas usinas da região Centro-Sul caiu 23,7% na segunda quinzena de junho. A ampla oferta da commodity, indicando um superávit mundial, tem influenciado as usinas a priorizarem a fabricação do etanol

No mercado interno, pelo indicador Cepea/Esalq, da USP, a saca de 50 kg de açúcar cristal foi negociada a R$ 56,17, recuo de 0,90%.


Etanol

O metro cúbico do etanol hidratado foi negociado ontem a R$ 1.536,50, baixa de 0,36% pelo indicador diário do etanol hidratado Esalq/BM&FBovespa, posto Paulínia. 

Ainda de acordo com a Unica, o volume de etanol comercializado pelas unidades produtoras do Centro-Sul em junho atingiu expressivos 2,62 bilhões de litros, sendo 2,52 bilhões de litros direcionados ao mercado doméstico e apenas 100,03 milhões de litros exportados.

 

Fonte: Rafaela Giomo. Fonte: Agência UDOP de Notícias

Compartilhe esta Notícia

Informativos Canaçúcar

Imprensa